Dormência no rosto pode ser ansiedade?

Dormencia No Rosto Pode Ser Ansiedade

O que pode ser dormência no rosto? Ansiedade pode gerar essa sensação? Neste artigo, você vai entender quais são os motivos para sentir o rosto dormente ou formigando. Veja ainda como deve ser o tratamento em cada caso e tudo mais que necessita saber sobre este sintoma. 

Sensação de dormência no rosto: ansiedade? 

A sensação de dormência no rosto pode ser sintoma de ansiedade, sentimento relacionado com medo do desconhecido, do novo, do futuro.  A preocupação até certo ponto é normal e até é necessária para agir em algumas situações. No entanto, quando a ansiedade dura muito tempo ou é muito intensa, traz outros sintomas e prejudica o dia a dia.

Além da dormência no rosto, a ansiedade pode provocar esta sensação em outras partes do corpo também. Por exemplo, a dormência no braço pode ser ansiedade, embora quase sempre seja confundida com infarto. 

Outros sintomas físicos da ansiedade incluem: dor de cabeça, náuseas, vômitos, diarreia, dor de estômago, boca seca, calafrios, mãos suadas, falta de ar e até mesmo taquicardia (aumento da frequência cardíaca). 

A tensão muscular também é outro sinal clássico nos ansiosos. A tensão, que pode causar muitas dores, acontece principalmente nos ombros, pescoço e costas podendo até travar os movimentos. Comumente, quanto mais ansiedade, mais preocupações que se transformam em tensões e peso nos ombros podendo paralisar. 

É um sintoma físico que expressa o que está se passando na mente. Para falar mais sobre os estados mentais e comportamento que a ansiedade pode causar, outro problema é a falta de foco e problemas para estudar ou trabalhar.A dificuldade de concentração acontece porque pensamentos indesejados e preocupações excessivas interrompem o foco. 

Além disso, ocorre atenção seletiva que pode interferir na maneira que o cérebro codifica as informações na memória. Isto porque bloqueia a compreensão e o raciocínio. Diante de alguma situação específica é normal sentir todos estes sintomas de ansiedade, mas, quando passa a ser constante já pode ser caracterizada como um transtorno. 

A mudança de comportamento já pode ser uma característica do transtorno de ansiedade. Por isso, observe se alguém próximo notou que você mudou seu comportamento, principalmente agindo de forma tensa, grossa, mal educada, autoritária, arrumando brigas com maior tensão ou estresse. 

A angústia pode ser tanta, que acaba aprisionando sua mente, que nem percebe o comportamento diferente. Mas, é um problema bem comum aqui no Brasil e você não está só. O transtorno de ansiedade generalizada, assim como outros tipos de ansiedade como fobias, atingem pelo menos 10% da população. Isto é bastante para uma doença. 

Sendo assim, é um problemas que merecem ser cuidados com atenção para não atrapalhar o dia a dia. Por prejudicar o sono, o trabalho, o comportamento e até a convivência e os relacionamentos, a ansiedade precisa ter mais atenção. Se não tratada, pode se agravar e prejudicar cada vez mais. 

Sensação de dormência no rosto

A sensação de dormência certamente já foi experimentada por qualquer um que ficou muito tempo sentado de pernas cruzadas. É normal sentir alguma parte do corpo dormente após ficar muito tempo parado na mesma posição. 

Mas, é mais comum de sentir isto nos pés ou nos braços. Quando é o rosto que fica dormente pode assustar. Mas será que a dormência no rosto é grave? Qual o motivo de sentir isto? Entenda a seguir o que pode ser.  

O que pode ser dormência no rosto?

Além da ansiedade, dormência no rosto pode ser provocada por outras doenças, além de pressionar por muito tempo a região. Por mais difícil que pareça, é possível ficar com o rosto dormente ao dormir em posição que cause pressão no rosto.  É o caso de um estudante que pegou no sono durante a aula, com a cara apoiada na mesa. 

Ainda assim, a dormência ao dormir de mal jeito logo passa. Se você está sentindo o rosto dormente por mais tempo, deve ter outro motivo. O que pode ser dormência no rosto, além destes casos? 

Doenças que deixam o rosto dormente

  • Esclerose múltipla
  • Tumores na bainha de mielina
  • Neuralgia do trigêmeo
  • Herpes Zoster (popularmente chamado de cobreiro)
  • Acidente vascular cerebral – AVC (derrame é o nome popular) 
  • Paralisia de Bell
  • Problemas na articulação da mandíbula
  • Enxaqueca

As primeiras doenças são algum tipo de problema no sistema nervoso, que pode trazer sensação de dormência. A esclerose múltipla, por exemplo, é uma doença autoimune que ataca a bainha de mielina. Esta parte importante das células nervosas é o revestimento que as protege. 

A neuralgia do nervo trigêmeo, responsável pela transmissão das sensações do rosto ao cérebro, não tem causa definida. É mais fácil de ser diferenciada das outras, já que o problema ocorre apenas no rosto. 

Já a herpes zoster acontece em adultos mais velhos, que já tiveram catapora (varicela). O vírus causa irritações com bolhas, que quando estouram na face, podem causar dormência no rosto. No entanto, é mais fácil de ser diagnosticada por conta das feridas típicas. É uma doença que pode ser evitada por vacina.   

A paralisia de Bell é uma paralisia do nervo facial por conta de uma inflamação do mesmo. Quem apresenta esta doença tem apenas um dos lados do rosto dormente: direito ou esquerdo. Por ser temporária, pode ser revertida com tratamento e não é grave. 

Enquanto isso, o AVC é uma das únicas doenças listadas acima que é emergência médica. O derrame é causado pela falta de oxigênio no cérebro causado por rompimento do vaso sanguíneo ou por coágulo se desprende e interrompe o fluxo sanguíneo na cabeça. 

Outros sintomas do AVC são:

  • fraqueza e formigamento no mesmo lado do corpo, como no braço ou na perna; 
  • confusão mental;
  • fala arrastada ou perda total da capacidade de falar;
  • visão embaçada, perda da visão;
  • falta de equilíbrio, tontura, vertigem; 
  • dor de cabeça intensa que aparece do nada com possível desmaio.

Como saber se a dormência no rosto é ansiedade?

Se você, ou algum conhecido, está com o rosto dormente e algum outro sintoma de AVC, ligue imediatamente para emergência médica. O derrame cerebral precisa de socorro imediato, já que quanto mais rápido for o atendimento, menor as chances de sequelas permanentes.  

Em todos os outros casos, respire e relaxe, pois não são casos tão urgentes. Para entender se a dormência no rosto é ansiedade, observe todos os sintomas. Caso a dormência seja causada pelo emocional, o sentimento de preocupação deverá estar presente. Faça uma autoavaliação de como tem se sentido ultimamente. 

E não duvide, pois a ansiedade pode gerar sintomas físicos, bloqueios mentais e até paralisar. A dormência ou sensação de formigamento pode ocorrer em qualquer parte do corpo. Inclusive, o sintoma aparece na Escala de Ansiedade de Beck. O instrumento em forma de questionário é usado para medir o grau de severidade da ansiedade. 

Portanto, se você estiver sentindo medo ou preocupações frequentes, de forma desproporcional, é capaz que seja transtorno de ansiedade generalizado. Leia mais sobre o assunto aqui e veja como você pode controlar a ansiedade. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *